segunda-feira, 12 de março de 2012

Ceará demite treinador com mais de 70% de aproveitamento


 Os dirigentes dos clubes do Brasil têm atitudes que nem psiquiatras são capazes de explicar. No final da manhã desta segunda-feira a diretoria do Ceará anunciou a demissão do treinador Lula Pereira. Até ai nada de mais, afinal demissão e contratação de técnicos são as coisas que mais acontecem no futebol.
 
Mas o curioso é que Lula Pereira tinha arrumado o time do Ceará nos 21 dias que foi treinador, tendo disputado seis partidas com um aproveitamento de 72,22%. Além da melhora no Campeonato Cearense, na Copa do Brasil, Lula Pereira levou o Ceará a classificaçao antecipada, vencendo o Gama, no Distrito Federal, eliminando o jogo da volta.



A demissão foi do presidente Evandro Leitão e dos dirigentes Robson de Castro, vice-presidente e Sérgio Costa, gerente de futebol foram quem comunicaram a dispensa, que agora chamam toda a responsabilidade para eles da conquista do título estadual e da montagem do time para o Campeonato Brasileiro da Série B.
"Estou sem entender esta decisão. Fiquei 21 dias como treinador do Ceará. Ganhei quatro jogos, empatei um e perdi apenas um. E destes seis jogos, quatro foram fora de casa. Ademais, estou sendo comunicado da demissão após ter vencido um clássico contra o Ferroviário", comentou Lula Pereira ao Portal Futebol Interior.


PC Gusmão deve ser o novo treinador

Nos bastidores o comentário é que a diretoria do Ceará já acertou a contrataçao do treinador PC Gusmão, que comandou o time na temporada passada e somente estava esperando um insucesso do time para dispensar Lula Pereira. Mas como o Lula teimava em ganhar jogos, a diretoria acabou sendo temerária e dispensou o treinador mesmo com 72,22% de aproveitamento.
 
 
Agência Futebol Interior

Nenhum comentário: