Ceará é o terceiro colocado do Cearense. Foto: Divulgação/Ceará
No Clássico da Paz deste domingo (11), deu Ceará novamente. A segunda vitória do Vovô sobre o Ferroviário neste Campeonato Cearense, foi simples como a anterior. Rogerinho marcou o único gol da partida disputada no gramado do estádio Presidente Vargas.
O primeiro não teve um futebol de qualidade apresentado por parte das duas equipes. A marcação foi preponderante e deixou o jogo truncado e sem criatividade. Poucas situações claras de gol foram criadas.
A insatisfação de Lula Pereira levou o treinador alvinegro a mexer de forma radical. Ele tirou o lateral-esquerdo Romano e mandou Misael para o campo. Foi o atacante quem construiu a jogada que deu origem ao gol marcado pelo meia Rogerinho. Eram jogados 32 minutos da etapa final.
O Ceará criou outras situações que levaram perigo a meta cora. No entanto, foi o Ferroviário quem chegou mais perto de marcar e empatar a partida. Rafinha acertou a trave de Fernando Henrique já nos instantes finais da disputa. O Alvinegro segurou o resultado e assegurou mais três pontos, sem mantendo em terceiro lugar na tabela.
Ceará
Fernando Henrique; Apodi (Misael), Erivelton (Romário), Daniel Marques e Romano (Giovane); Heleno, Bruno, Rogerinho e Juca; Mota e Felipe Azevedo. Técnico: Lula Pereira
Ferroviário
Handerson; Everton (Elton), Agnaldo (Eduardo), Anderson Borges e Felipe Cauã; Jardel, Nego, Marcelinho e Rafinha; Jânio Daniel (Jean) e Canga. Técnico: Flávio Mendes
Jangadeiro