quarta-feira, 25 de abril de 2012

CSE e ASA se enfrentam pelas semifinais o 2º turno alagoano


Na noite de hoje, CSE e ASA farão mais um clássico do Campeonato Alagoano. Trata-se do “clássico do interior”, nome dado aos confrontos envolvendo as duas equipes. Os dois clubes lutam por uma vaga na final do Estadual, onde o campeão do segundo turno vai enfrentar o CRB, dono do primeiro turno da competição.

O primeiro jogo da semifinal será realizado hoje à noite, no estádio Juca Sampaio, na cidade de Palmeira dos Índios, às 20h30. A segunda partida, onde será definido o classificado para a final, será realizada no próximo sábado (25), em Arapiraca.

O clube arapiraquense é o único dos quatro classificados que conquistou vaga para os dois quadrangulares. O time chegou perto de ser campeão do primeiro turno, mas esbarrou nas cobranças de pênaltis na final e viu o CRB garantir seu lugar na final.

No último jogo, onde enfrentou o CEO, o clube comandado pelo técnico Heriberto da Cunha já entrou em campo classificado. Com 19 pontos conquistados, o time buscava uma vitória para garantir a liderança da competição e decidir a possível final em casa. Mas, jogando com até 7 desfalques, o time foi surpreendido pelo CEO e derrotado por 3 a 1.

Já o CSE, que foi derrotado pelo Coruripe por 2 a 1, vem de duas derrotas consecutivas. Antes da derrota para o clube do litoral sul alagoano, o time de Palmeira dos Índios foi goleado dentro de casa por 5 a 0, pelo CSA. Agora, classificado com 12 pontos, o tricolor promete “atropelar” nos jogos decisivos. O time volta a disputar uma fase final do Alagoano após 18 anos.
Empolgado com a boa fase na competição, o ASA vem motivado querendo conquistar o que deixou escapar no primeiro turno: o título. No segundo turno do Campeonato Alagoano, o time arapiraquense é dono do segundo melhor ataque, com 20 gols marcados, e a segunda defesa menos vazada, com 11 gols sofridos, perdendo apenas para o líder CSA.
O técnico Heriberto da Cunha, do ASA, contará com os retornos do goleiro Tutti, meia Valdívia, lateral Augusto e do atacante artilheiro Lúcio Maranhão. Quem não entra em campo é o zagueiro Édson Veneno, que continua em tratamento no Departamento Médico da equipe arapiraquense.
Em 2012, ASA e CSE se enfrentaram apenas duas vezes – uma em cada turno. A primeira, que foi realizada no estádio Coaracy da Mata Fonseca, terminou com a vitória do clube alvinegro por 1 a 0. A segunda, no returno, o ASA conquistou um empate de 2 a 2 suado, quando marcou o segundo gol já nos minutos finais de jogo.
Fonte: Minuto Arapiraca

Nenhum comentário: