sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Dois Toques lança Nota de repúdio ao Presidente do Náutico

O Repórter Luís Henrique Charamba foi retirado por dois seguranças do Náutico, que alegaram, ordens do Presidente Paulo Wanderley, para tal ato.


A Agência Dois Toques lançou Nota de repúdio ao Presidente do Náutico


Informarmos que, de forma autoritária, nosso repórter Luís Henrique Charamba foi impedido de acompanhar o treino do Náutico, realizado na tarde desta sexta-feira, dia 19 de outubro, no Estádio dos Aflitos.


Charamba foi retirado da atividade pelos seguranças do clube, sem receber justificativa alguma, e apenas foi informado de que se tratava de uma ordem do presidente Paulo Wanderley.


Lamentamos tal ato de censura, motivado por críticas feitas pelo nosso portal à diretoria do clube e informamos que contamos com o total apoio da Associação dos Cronistas Desportivos de Pernambuco, na pessoa do presidente Iranildo Silva, e que, caso necessário, tomaremos providências jurídicas, uma vez que tal ato é anticonstitucional e fere a liberdade de imprensa.


Nossa equipe é composta por profissionais credenciados junto à ACDP, o que nos dá o direito de cobrir quaisquer eventos esportivos que aconteçam no estado de Pernambuco.


A Dois Toques Comunicação, empresa responsável pelo portal doistoques.net, repudia a atitude do mandatário alvirrubro, mas reafirma o seu compromisso com os torcedores do Náutico. Apesar do ato de censura, seguiremos cobrindo o dia a dia do Timbu, tendo a verdade como o nosso único compromisso.


Atenciosamente,

Dois Toques Comunicação

Obs: Nós do Nordestebol, não só subscrevemos a Nota de Repúdio, como também discordamos da forma autoritária como o assunto foi tratado.

Nenhum comentário: