domingo, 7 de julho de 2013

CBF suspende partida da Série D

Agora é oficial. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou na sexta-feira, dia 5, através de seu site, a suspensão da partida entre Genus e Nacional - válida pela Série D do Campeonato Brasileiro - que estava programada para acontecer no próximo domingo, dia 7. A paralisação se deve a uma liminar impetrada por torcedores do Clube do Remo que denunciam a suposta inscrição irregular do representante de Rondônia na competição. A ação ainda pede a inclusão imediata do clube paraense no Grupo A1 da competição nacional.

Entenda o caso

Wendell de Souza Figueiredo, torcedor do Remo, conseguiu, no último sábado, uma liminar para suspender a partida entre Paragominas e Genus, válida pela segunda rodada do Brasileiro da Série D. O documento foi concedido pelo Juiz de Plantão, Raimundo Rodrigues Santana, na 10ª Vara Civil de Ananindeua. No entanto, a liminar não teria chegado até o local da partida, a Arena Verde, e o jogo acabou acontecendo. Por isso, o torcedor pretende recorrer e pedir o pagamento de multa dos clubes.

De acordo com a liminar, resumidamente, o Remo alegou que a Confederação Brasileira de Futebol descumpriu a Lei nº 10.671/2003, do Estatuto do Torcedor, mais precisamente os artigos 8º, II, 9º e 10.

Ou seja, não divulgou a tabela e o regulamento com sessenta dias de antecedência ao início da competição.
Além disso, segundo a liminar, a CBF descumpriu o regulamento elaborado pela própria entidade, pois houve duas alterações na tabela do Grupo A1, do Campeonato Nacional da Série D. A primeira resultante da inclusão do Clube de Futebol Vilhena, do estado de Rondônia, no dia 03.06.2013 (cinco dias antes da partida contra o Paragominas-PA). A segunda alteração foi a substituição do Clube de Futebol Vilhena pelo Clube Gênus, também de Rondônia, feita no dia 05.06.2013, dois três antes da partida.

GE

Nenhum comentário: