quarta-feira, 9 de julho de 2014

Argentina e Holanda decidem a outra vaga na final

Pode parecer para os brasileiros que a Copa do Mundo acabou, mas não. Argentina x Holanda desta quarta-feira, às 17 horas, no Itaquerão, vale mais do que somente secar os arquirrivais argentinos ou o algoz da eliminação de 2010: é o jogo da Copa que reúne mais reúne top 10 do futebol mundial.

Segundo melhor jogador do planeta no ano passado, Lionel Messi e seus quatro títulos de melhor jogador do mundo (2009, 2010, 2011 e 2012) estarão no gramado acompanhados de dois outros dois nomes que estiveram na lista de dez em 2013: os atacantes Van Persie, sétimo colocado, e Arjen Robben, oitavo.

Antes, apenas o jogo Holanda x Espanha teve dois jogadores top 10 do mundo em uma única partida. Mas, naquela oportunidade, ao invés de Messi a dupla holandesa duelou contra Iniesta, espanhol que passou longe de seus melhores dias no Mundial do Brasil.

Além deles, há outras estrelas que não figuraram entre os top 10, mas têm muito prestígio no futebol mundial, como Sneijder, Kuyt, Aguero, Higuain e Lavezzi, entre outros. Por isso, segundo o técnico da Holanda, não há favoritos no jogo.

"Acho que não há favorito nas semifinais e os times estão no mesmo nível. Na minha opinião, as chances são de 50% para cada. Em holandês dizemos que a sorte tem que estar voltada pra você, você joga a moeda e ela tem que virar para o seu lado", disse Van Gaal.

UOL

Nenhum comentário: