sexta-feira, 4 de julho de 2014

Brasil derrota Colômbia e está nas semifinais

Os seis dias entre a partida das oitavas de final contra o Chile e a das quartas contra a Colômbia foram pautados praticamente por um só assunto para a seleção brasileira: o estado psicológico dos jogadores. Se alguns se emocionaram durante a disputa de pênaltis, e outros durante o hino nacional à capela, houve quem usasse isso para acusar a equipe de despreparo emocional. Pois bem: Luiz Felipe Scolari e Neymar falaram sobre isso em entrevistas coletivas, o resto foi esquecido e o time aproveitou para entrar totalmente mudado para o duelo com a Colômbia. Resultado? Vitória por 2 a 1 e a vaga nas semifinais do Mundial que sedia. Será a primeira vez do Brasil nesta fase desde 2002.

E o gols do triunfo não poderiam ser mais simbólicos: o 1°, de Thiago Silva, logo no início do jogo, do capitão que assumiu que não queria bater pênalti contra o Chile, que sentou em uma bola e, emocionado, chorou; e o 2°, de David Luiz, o provável capitão da semifinal, já que Thiago está suspenso (Júlio César também é candidato), em linda cobrança de falta. Se redimiram, se é que essa é a palavra para justificar um momento de emoção, e não de fraqueza, como aquele contra o Chile. Na próxima terça-feira, Brasil e Alemanha duelarão pela segunda vez na história das Copas, em Belo Horizonte. Vale a vaga para a tão sonhada final, para apagar qualquer maldição que possa existir desde 1950.

O gol de Thiago Silva foi o primeiro de um capitão da seleção em Copas desde Raí, em 1994 - o meia começou a copa como titular e capitão, perdendo depois a vaga no time para Mazinho e a faixa para Dunga. Dunga, em 1994 e 1998, Cafu, em 2002 e 2006, e Lúcio, em 2010, não marcaram usando a braçadeira.

BRASIL 2 X 1 COLÔMBIA

Data: 4 de julho de 2014
Horário: 17h00 (de Brasília)
Local: Castelão, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Carlos Velasco Carballo (ESP)
Assistentes: Roverto Alonso Fernandez (ESP) e Juan Yuste (ESP)
Cartões amarelos: Thiago Silva, aos 17 min., Júlio César, aos 31 min. do 2°t (BRA); James Rodriguez, aos 21 min., Yepes, aos 27 min. do 2°t (COL)
Gols: Thiago Silva, aos 6 min. do 1°t, David Luiz, aos 23 min. do 2°t (BRA); James Rodriguez, de pênalti, aos 34 min. do 2°t (COL)

BRASIL: Júlio César; Maicon, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Fernandinho, Paulinho (Hernanes, aos 40 min. do 2°t) e Oscar; Neymar (Henrique, aos 42 min. do 2°t), Hulk (Ramires, aos 37 min. do 2°t) e Fred
Técnico: Luiz Felipe Scolari

COLÔMBIA:  Ospina; Zuñiga, Zapata, Yepes e Armero; Sanchez, Guarín, James Rodriguez e Cuadrado (Quintero, aos 35 min. do 2°t); Ibarbo (Adrián Ramos, no intervalo) e Teófilo Gutierrez (Bacca, aos 27 min. do 2°t)
Técnico: José Pekerman

UOL

Nenhum comentário: