segunda-feira, 7 de julho de 2014

Técnico do Joinville valoriza campanha realizada até agora


A campanha do Joinville na largada da Série B é ótima. Em 10 rodadas disputadas, a pior colocação que o JEC ficou foi um terceiro lugar. Além disso, não foi derrotado como mandante, tem a terceira melhor defesa da competição e está com 66% de aproveitamento na vice-liderança da competição nacional com 20 pontos.

O bom começo do tricolor do norte do Estado de Santa Catarina é fruto de um trabalho que já vem sendo realizado desde o começo da temporada pelo técnico Hemerson Maria (foto) e que culminou no vice-campeonato estadual. Na opinião do treinador, um dos trunfos para a largada positiva do Joinville é a força que o time tem no estádio da Arena. Em seis jogos foram cinco vitórias, um empate e só um gol sofrido. “Estamos tendo um ótimo desempenho em casa porque estamos sabendo jogar no estádio da Arena e o torcedor vem sendo o nosso grande aliado, tendo paciência e incentivando a equipe nos momentos de dificuldade. O fator casa na Série B é importantíssimo”, analisou Hemerson Maria que nos últimos dois anos teve experiências na segundona treinando o Avaí.

Com aproveitamento de time que busca o acesso, Hemerson Maria enfatiza a importância do Joinville nunca ter saído do G-4 da Série B. “A competição está muito equilibrada e seguirá assim até as últimas 10 rodadas quando teremos uma noção exata de quem brigará efetivamente pelo acesso. Por isso, a nossa permanência no G-4 nas 10 rodadas disputadas até então nos deixa confiantes e com a certeza de que o caminho está sendo percorrido de maneira correta. Tudo é fruto de um trabalho e planejamento de um clube muito organizado, onde todos os setores estão comprometidos na busca deste tão sonhado e desejado acesso”, concluiu o treinador do JEC, que tem no comando do clube 29 jogos com 13 vitórias, 10 empates e apenas seis derrotas .

No retorno da Série B, em jogo válido pela 11ª rodada, o Joinville terá um duelo complicado fora de casa contra o líder da competição, o Ceará.

Nenhum comentário: